Eleições municipais em Lajeado 2016

Os pré-candidatos a prefeito

Lajeado tem uma situação privilegiada em relação à maioria dos pequenos municípios tocantinenses. Seja por causa dos recursos relativos aos royalties da UHE Luiz Eduardo Magalhães, da sua riqueza natural ou mesmo da sua localização próxima a capital. Diante disso não é de se admirar que a disputa para ver quem irá gerir o município se torne mais acirrada a cada ano.

É por isso que as articulações para as eleições municipais em Lajeado já estão a todo vapor. Por enquanto há três pré-candidaturas que se colocam com toda força para disputar o pleito eleitoral para administrar a prefeitura municipal. São elas: A pré-candidatura do Drº Tércio pelo Partido Social Democrata (PSD), a do empresário Jaime pelo Partido da Mobilização Democrítica Brasileiro (PMDB) e a do advogado e ex-prefeito Junior Bandeira pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB).

Drº Tércio é ligado a atual gestão da prefeita Márcia Reis (PSD). E defenderá a permanência de um grupo politico que há 8 anos esta a frente do executivo municipal. Período marcado por denuncias de corrupção – que levou inclusive o ministério público pedir o afastamento da prefeita e de altos membros do seu secretariado. Como também de um alto índice de rejeição pela população da atual gestão.

Aliás, uma das denuncias de corrupção dava conta de um contrato superfaturado de exames entre a prefeitura municipal de Lajeado e a clinica de propriedade do Drº Tércio e de seu pai. Denuncia que levou a quebra desse contrato como também da demissão do Drº Tércio do serviço público municipal de saúde.

O outro pré-candidato a prefeito de Lajeado é o empresário Jaime (PMDB), que entre 2009 e 2012 foi vice-prefeito na primeira gestão da prefeita Márcia Reis. Após o rompimento, Jaime tem tentado se colocar como oposição a atual gestão no município. E com o fracasso dessa gestão seu nome ganhou força, sobretudo após a eleição de Marcelo Miranda para o governo (candidatura que ele apoiou), no entanto seu nome tem perdido força no ultimo período.

Por fim, temos a pré-candidatura do ex-prefeito Junior Bandeira (PSB), que já administrou o município entre 2000 e 2008. Um período marcado por dois momentos bastante distinto – o primeiro de desenvolvimento, quando ainda estava em curso à construção da usina hidrelétrica Luiz Eduardo Magalhães e o segundo de muita estagnação e retrocessos. Tal fato pode ser observado na forma com que a população enxerga o legado deixado pela administração de Junior Bandeira – enquanto têm alguns que o considera o melhor prefeito da história do município, existe outros que o criticam duramente.

Não é a primeira vez que Junior Bandeira tenta voltar a administrar a cidade de Lajeado, por exemplo, em 2012 foi derrotado pela atual prefeita. E bem antes, em 2008, não conseguiu eleger o seu sucessor. Reflexo da alta rejeição de seu nome no município.

Mais do mesmo

Como se vê por enquanto o quadro eleitoral de Lajeado se apresenta sem nenhuma novidade. Pois os três pré-candidatos a prefeito do município podem ser considerados mais do mesmo. Pois todos já estiveram ou estão de forma direta ou indiretamente ligados a gestão municipal. O projeto politico que eles representam bem como o grupo politico do qual fazem parte conhecemos muito bem.

Junior Bandeira é um representante das velhas oligarquias lajeadense, siqueirista de carteirinha. Já tanto o Drº Tércio como Jaime mudaram-se para Lajeado recentemente. Especialmente após a formação de um novo grupo politico com a eleição da prefeita Márcia Reis – composto, sobretudo por pessoas de outros municípios. Enquanto o primeiro está aliado à família Abreu, o segundo é próximo de Marcelo Miranda.

Por tanto independente de qual desses for eleito, conhecemos muito bem qual será o projeto politico que irá desenvolver no município– de quem favorecerá e o que priorizará. Nada muito diferente do que temos hoje.

É possível que até o início do pleito eleitoral surja uma nova candidatura, ou que algum desses desista da disputa. Mas o fato é que não haverá grandes novidades nas eleições municipais de Lajeado. A disputa principal será entre estes três pré-candidatos.Cabe à população se conscientizar para eleger e fiscalizar aqueles que irão administrar a cidade para o bem comum e não apenas para seus interesses pessoais.


Pedro Ferreira Nunes é educador popular e militante do Coletivo José Porfírio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário